A Filosofia Grega

Neste dia de tantas renovações e glória, eis que surge das cinzas como a fênix da vitória, um homem que pela primeira vez, olha para outro ser com um ataque epilético e fala “não há nenhum deus ai dentro, é um fenômeno do corpo desse individuo”.

Este homem é Hipocrates, um grande pensador da filosofia grega e também o pai da medicina, depois de Hipocrates veio outros pensadores gregos que acreditavam na lei da natureza, e não na lei dos deuses, que mandava castigo para pagar seus pecados.

Estas pessoas faziam parte de uma grande civilização, que defendia que as doenças e pragas eram dadas por deuses que comandava a vida e o cotidiano das pessoas, esta foi à civilização grega com sua filosofia que a diferenciou das outras civilizações do mundo antigo.

Platão, Sócrates, Aristóteles e outros foram grandes pensadores gregos que defendia as leis da natureza, em um povo de vários deuses, Platão e Sócrates colocam-se em pé como uma coluna grega, conseguindo destaque na idade clássico da Grécia.

Pensadores de uma filosofia invejada que com garra e esforço afirmavam que a terra não era o centro do mundo. A filosofia é isto tentar entender o mundo com uma linguagem simples, Como é? Porque é? De onde é? Para onde vai? Sua tradução já diz PHILOS= amizade, amor SOPHIA= sabedoria, sábio.

Saber entender o mundo é deveres de um filosofo, mas principalmente de uma sociedade, como dizia Aristóteles em uma de suas frases “A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las”. Como está expresso nesta frase se um homem tem algo a receber de bom nesta vida, não deve ser por sua grandeza, mas sim pelo que merece de ter por sua capacidade e seu talento.

Se hoje milhares de anos se passaram e a filosofia é falada em varias línguas é por causa de homens que sem medo e pudor desafiaram as leis dos deuses e a mitologia de seu povo. Para dizer que felicidade é ter o que amar, o que fazer e esperar.

“Temos que olhar para o passado com glória e amor, e viver o presente com garra e firmeza, para um futuro de grandes gerações”

Júlio Gonçalves da Silva


About this entry